Alimentação

Entenda de uma vez por todas: comer antes de nadar faz mal?

entenda-de-uma-vez-por-todas-comer-antes-de-nadar-faz-mal.jpeg
Escrito por Academia Boa Forma

Quem nunca ouviu aquele parente, amigo ou conhecido comentando que comer antes de nadar é perigoso, pois pode causar congestão alimentar, desmaios e até afogamento? Essa expressão já foi tão popularizada, que muita gente toma isso como verdade.

Mas, na realidade, existe uma explicação bem plausível para isso ter se tornado um mito tão bem difundido. Quer descobrir o motivo? Continua a leitura.

Afinal, comer antes de nadar é realmente perigoso?

Não, não é perigoso. O simples fato de comer antes de nadar não pode causar uma morte, por exemplo, por má digestão ou qualquer problema estomacal. Sendo assim, os praticantes de natação precisam ter em mente que comer antes de nadar, por si só, não vai causar nenhum mal extremo.

Além do mais, é um exagero também dizer que a pessoa pode passar mal e acabar desmaiando ou sofrendo um ataque cardíaco. Provavelmente, se alguém tiver um ataque cardíaco dentro da água, a causa será muito mais relacionada aos hábitos de saúde do indivíduo em questão do que o fato de ele estar nadando. A probabilidade de se ter um problema de coração desse tipo é a mesma na piscina ou fora dela.

Então, por que todo mundo acha que comer antes de nadar faz mal?

Esse mito tem sido passado de geração em geração e pode ter várias origens. Uma das possíveis explicações é de que existe um fenômeno médico conhecido como stich, uma espécie de cãibra bastante dolorosa, que acontece quando nos exercitamos muito depois de ingerir uma refeição farta.

Outra suposição é a de que o mito vem do fato de que, quando você come uma refeição mais pesada, seu estômago pressiona seu diafragma, fazendo que se sinta como se estivesse inspirando menos ar. Mas é claro que isso acontece fora da água também.

O que posso comer antes de nadar?

Nesse caso, você deve se preocupar não só com a alimentação pré-treino, mas também com o pós.

Antes da natação

De uma a duas horas antes do treino, priorize a ingestão de água e carboidratos. Lembre-se: você não deve praticar exercício físico em jejum, pois seu corpo precisa de energia para executar os movimentos. Um bom exemplo de lanche é um suco de frutas, um sanduíche de queijo magro, uma fruta ou uma barra de cereal.

Durante a natação

Você pode até achar que não precisa beber água, mas está errado. Enquanto estiver nadando, deixe sempre uma garrafinha de água na borda da piscina.

Após a natação

Se você nada em alta intensidade e acima de uma hora de exercício, pode ingerir proteínas e também é importante comer carboidratos. Cerca de 20 g de carboidrato e 10 g de proteínas são suficientes. Uma boa opção é o sanduíche de queijo magro com algum tipo de geleia.

E que alimentos devo evitar antes da natação?

Gorduras, refrigerantes, frituras, chocolates e cafeína são alimentos que têm uma digestão mais lenta e podem atrapalhar seu desempenho durante o exercício. Também vale lembrar que uma alimentação adequada é mais saudável para o seu corpo e gera impactos também na sua sensação de bem-estar.

A ideia de que faz mal comer antes de nadar não passa de um mito. Agora que já sabe disso, basta se alimentar de forma adequada e você estará pronto para cair na água!

Se você gostou do nosso post, siga a gente no Instagram, YouTube e curta nossa página no Facebook! Lá, você encontrará mais conteúdos sobre esportes, alimentação e vida saudável.

Sobre o autor

Academia Boa Forma

Deixar comentário.

Share This
Navegação