Mãe e filho em casa: confira a história de Cristina e se inspire!

Desde que a quarentena começou, minha rotina mudou completamente. Apesar de as minhas atividades continuarem em casa, inicialmente senti um pouco de falta de toda aquela agitação. Antes de isso tudo começar, acordava, tomava café, levava o Bruno, meu filho, para a escolinha, ia para o trabalho, e ao final do dia ainda tinha a academia. Isso se repetia por todos os dias, mas em março, tudo mudou!

Estar com os filhos em casa, trabalhando em home office, é lidar com um desafio, você concorda? Mas é um desafio gostoso de ser superado. Só de escutar aquela risadinha espontânea, o meu coração já se derrete! São tantas coisas legais que eu descobri nesse período que não poderia deixar de compartilhar com outras mães. Vem ver!

Brincadeiras que fazemos ao longo da quarentena

Deixar o Bruno animado com as brincadeiras dentro da própria casa, sem a presença de outros coleguinhas, foi uma das minhas maiores preocupações. Comecei a pesquisar atividades para que a gente pudesse se divertir juntos e encontrei opções incríveis!

Todas as noites, montamos um acampamento na sala de TV. E tem até trilha sonora, viu? A gente coloca barulhos de natureza no YouTube, ligando a própria televisão, e dentro das cabaninhas a imaginação flui. Chega um momento em que a gente precisa até mesmo falar um pouco mais baixo, pois é a hora da onça-pintada sair para a caça. É uma grande aventura!

Também adoramos fazer mímicas de personagens de desenho animado. Eu só conheço o Homem Aranha: você não imagina a alegria da criança em acertar todos os dias o mesmo herói!

Lives da academia

Depois de alguns dias em casa, percebi que eu estava sem praticar exercícios. Como a minha academia se preocupa com o nosso bem-estar mesmo nesses períodos mais desafiadores, além de enviar treinos específicos para fazermos em casa, ela tem promovido algumas lives de dança para que a gente mantenha a nossa rotina de atividades de forma divertida!

Além disso, me preocupo bastante em trazer essa vontade também para o Bruno (até mesmo como uma forma de evitar a obesidade infantil), logo tratei de animá-lo a participar comigo. E ele se diverte muito dançando comigo!

Como é bom a gente poder contar com parceiros que se preocupam com o nosso bem-estar e com a nossa qualidade de vida — mesmo estando distantes fisicamente!

Bons momentos

Quando estou com ele, esqueço todo esse contexto que estamos vivendo. Mais do que nunca, é preciso se apegar a bons momentos para que possamos sair firmes dessa. E você não imagina a emoção que eu tive ao ganhar um lindo desenho que ele fez especialmente para comemorar o Dia das Mães. Era a nossa casinha e três personagens. Segundo ele, éramos eu, ele e o papai.

No meio, um coração. Dentro dele, estava escrito “Mamãe, adoro ficar em casa com você”. Pequenas situações que nos fazem acreditar que tudo vai passar e que em breve estaremos correndo por aí, como sempre gostamos de fazer.

Isso sem falar do “é hora da vovó”. Exatamente! Você acredita que ele criou uma espécie de programa de TV para que a gente pudesse ligar para a minha mãe e matar as saudades por meio de videochamada? É nesse momento que ele conta como foi o dia, além de ser a oportunidade de eu ver que está tudo bem com a minha família.

Estamos em um contexto que nos aproxima de todos os nossos familiares, seja na presença física ou virtual. É o período de redescobrirmos sobre o quanto a vida é importante e o quanto é gostoso estar perto de quem a gente ama. O Bruno tem me feito ser uma mãe cada dia melhor, principalmente agora em que o nosso contato é direto, durante o dia inteiro. Descobri que não há nada mais prazeroso e valioso do que passar esse tempo com os filhos em casa!

E você, o que achou de minha história? Compartilhe em suas redes sociais para outras pessoas também contem como está sendo a sua quarentena!

Um abraço,

Cristina.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This