6 técnicas para respirar corretamente na prática da natação

Respirar corretamente durante o nado é primordial, seja o nadador um competidor, um mero praticante do esporte ou uma criança aprendendo a nadar. Na verdade, o controle respiratório deve ser ensinado logo nos primeiros níveis e fixado através de exercícios específicos, ao longo do primeiro ano de prática.

Depois de assimilada e automatizada, a respiração, bem encaixada ao movimento de qualquer um dos estilos, aperfeiçoa a técnica e imprime o ritmo, diminuindo o esforço e melhorando os resultados, além de evitar a fadiga e a entrada de água nas vias respiratórias e auditivas.

Considerando a importância desse ponto, listamos aqui algumas técnicas e exercícios para melhorar definitivamente o seu domínio respiratório durante a natação! Vamos lá?

1. Domine a respiração bilateral

Consiste em alternar o lado para o qual se levanta a cabeça para respirar. De modo geral, todos têm um preferido, mas é importante aprimorar a respiração para o sentido que se tem maior dificuldade também.

Respirar bilateralmente confere maior equilíbrio ao movimento e melhora o alinhamento corporal. Isso também evita lesões no pescoço e no ombro, que deixam de girar repetidamente para o mesmo lado.

2. Controle a inspiração e expiração

Ao contrário do que fazemos habitualmente, a melhor forma de respirar ao nadar é inspirando pela boca e expirando pelo nariz. Para isso, levanta-se a cabeça para fora da água para inspirar o ar e expira-se durante a submersão.

No entanto, não basta simplesmente inspirar e expirar a cada contagem de braçadas, é preciso encher os pulmões o suficiente para completar o ciclo. Na expiração, deve-se colocar todo o ar para fora, deixando-os vazios e prontos para se encherem novamente.

A expiração submersa contribui também para o fortalecimento dos pulmões, uma vez que o ar enfrenta a resistência da água para sair pelas narinas.

3. Desenvolva a sua própria técnica

De modo geral, cada atleta estabelece, de acordo com suas condições físicas e técnicas, quantas braçadas completam o seu ciclo respiratório ideal.

Além disso, é importante aprimorar os movimentos para que a respiração seja o mais eficiente possível, em especial para o lado que se tem mais dificuldades. Experimente levantar mais ou menos o braço e a cabeça e verifique se as vias aéreas se abrem mais.

Identifique o movimento ideal e pratique até que se torne automático, tanto para um lado quanto para o outro.

4. Aprenda a respirar corretamente usando a prancha

A prancha é uma ótima aliada no treino da respiração correta. Com os dois braços estendidos apoiados na prancha à frente da cabeça, inicie o nado com um braço apenas, sempre respirando para esse mesmo lado, enquanto a outra mão se mantém segurando o equipamento. Nade toda a piscina e retorne fazendo o mesmo para o outro lado.

O objetivo é progredir o máximo durante a expiração, inspirando cada vez mais ar a cada braçada.

5. Pratique na borda da piscina

Geralmente, os exercícios de respiração feitos na borda da piscina são vistos como um momento de descanso entre as séries. Entretanto, eles também são uma boa oportunidade de treinar a mecânica e a dinâmica do controle respiratório na água.

Com a cabeça fora da água, inspire forçadamente o máximo possível. Depois afunde e, com a cabeça dentro d’água, expire todo o ar. Repita diversas vezes, sem interrupções.

6. Trabalhe a respiração durante o nado de costas

O nado de costas deixa o processo respiratório mais livre, já que o nariz se mantém fora d’água por todo o tempo. Desse modo, é uma boa oportunidade para o treino. Inspire quando o braço estiver no ponto mais alto, segure o ar por algumas braçadas e então, expire quando o outro braço chegar ao mesmo ponto.

A natação é um esporte completo que faz bem à saúde de adultos e crianças. Entretanto, respirar corretamente é essencial para que esses benefícios sejam reais — caso contrário, pode resultar em uma técnica errada, levando o nadador a se cansar ou engolir muita água.

Gostou dessas dicas?  Assine a nossa newsletter para ficar sempre por dentro de outras informações sobre natação e outras atividades físicas!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Share This